Maria Convida-nos à Santidade: Por que devo aceitar o convite?

Estamos começando hoje a nossa jornada para a Consagração a Nossa Senhora. Diariamente será publicada uma meditação referente a cada dia de preparação. Para fazer o download e/ou visualizar os Exercícios Espirituais, basta acessar o link anterior.

Por que devo aceitar o convite?

A razão do nosso ser é Jesus. É partindo deste ponto que encontraremos todas as demais razões e que deve embasar os nossos propósitos.

Maria, como mãe, deseja sempre o melhor para nós, com uma vantagem extraordinária em cima das demais pessoas que também desejam o nosso bem: Maria nunca erra! Ela está do lado de Deus, vendo-O face-a-face e sabe, por graça divina extraordinária, de tudo sobre nós.

Nossa Senhora, em seu imenso amor a Deus, o amor mais perfeito entre as criaturas, em tudo faz a vontade do Altíssimo. Jamais O contraria! E Deus, sendo a própria bondade por excelência, só deseja o nosso bem, o que é de melhor para nós.

É VONTADE DE DEUS QUE SEJAMOS PERFEITOS.

Por isso, Ele nos fez semelhante a Si Próprio, então podemos dizer que ele colocou em nossa natureza humana uma espécie de ESPELHO DA SANTÍSSIMA TRINDADE: Pai, Filho, Espírito Santo. A nós deu a VIDA, figura do Pai, a INTELIGÊNCIA, figura do Filho e o AMOR, figura do Espírito Santo.

Infelizmente a natureza humana decaiu com o Pecado Original e assim nos privamos de toda Graça da perfeição, nos privamos da verdadeira FELICIDADE, perdemos o Paraíso. Mas Deus em Sua infinita Bondade, nos restaurou. Em Seu imenso Amor, enviou o Filho, a segunda pessoa da Santíssima Trindade que, se sacrificando por Amor a nós, nos redimiu e nos deu a Graça de sermos restaurados.

Para acolher essa graça, basta querermos imitar Jesus. Sim!! “Querermos” é a palavra mais importante. Mais importante que a palavra “imitar”.

Devemos querer dirigir todos os nossos pensamentos, palavras e ações. Devemos desejar alcançar a perfeição cristã em todos os momentos de nossa existência.

Mas, quais são as razões para querermos ser perfeitos? Por que devemos querer ter uma vida perfeita?

A VIDA PERFEITA É SUAVE, ÚTIL E PRAZEROSA.

Pode parecer que esta afirmação é uma inverdade, mas não é. Lembra o que disse anteriormente que nossa natureza humana decaiu por causa do pecado original? Então, esse decaimento bagunçou todos os nossos sentidos, deturpou todos os nossos sentimentos. É preciso arrumar tudo isso!

Deus, a própria Bondade, o próprio Amor, jamais pediria algo que contrariasse a nossa natureza humana. O que, na verdade, contraria a nossa natureza é a bagunça que o pecado original causou, dando margem aos vícios fazendo-nos busca-lo de forma irracional, desenfreada, piores do que os animais que agem apenas por instinto. Os vícios nos escravizam, isso é uma das razões pelas quais chamamos Jesus de nosso Redentor, nosso Libertador, pois Ele é o “modelo” que passou por tudo para nos redimir e para que possamos imitá-Lo.

Para captar um pouco de como a vida perfeita é suave, útil e prazerosa, basta olharmos para a vida dos santos católicos que são verdadeiros Evangelhos Aplicados. Mesmo diante de sofrimentos artroses, eles não perdem a alegria. Que alegria é essa? É a Alegria de amar a Deus e de se entregarem para servir a Deus no próximo, buscando a perfeita comunhão. Comunhão essa que nos traz a PAZ e ALEGRIA que tanto buscamos, mas que parece que quanto mais corremos atrás, mais elas nos escapam. Parece que somos incapazes de alcançar a VERDADEIRA PAZ e a VERDADEIRA ALEGRIA. Nunca estamos satisfeitos.

Como dito, tínhamos tudo arrumado, em harmonia, até pecarmos. Ao pecarmos, desarrumamos tudo, fizemos decair a nossa natureza, mas Deus em seu Amor Infinito nos deu a sua Graça para sermos restaurados. Ou seja, essa Paz e essa Alegria só são possíveis através do acolhimento da Graça. Sozinhos somos incapazes. Por isso, é preciso QUERER. É a FORÇA DESSE QUERER que nos guiará, que nos ajudará a superar as barreiras e a nos mantermos no caminho.

Então, PARA SERMOS SANTOS PRECISAMOS DO AUXÍLIO DIVINO. MARIA É UM PODEROSO AUXÍLIO.

Maria é um exemplo para nós. Sua vida é um farol para nós. Imitar as VIRTUDES DE MARIA é um caminho de perfeição cristã, é uma maneira de imitarmos Jesus, com a vantagem de imitarmos Jesus com toda ajuda maternal de Maria.

Maria nos levanta. Maria nos consola. Maria nos orienta. Maria nos protege. Maria nos alerta. Maria, principalmente, intercede por nós para que possamos sempre termos acesso à Graça e à Misericórdia Divina, mesmo depois de cairmos, de pecarmos, de mergulharmos no lamaçal dos prazeres desregrados dos vícios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *